Ministra ‘baladeira’ enfrenta crise de imagem após aparecer dançando e cantando em festa

Ministra ‘baladeira’ enfrenta crise de imagem após aparecer dançando e cantando em festa

A primeira-ministra da Finlândia, Sanna Marin, está enfrentando uma crise de imagem após o vazamento de um vídeo em que ela é vista dançando e cantando animada em uma festa.

Na gravação, que parece ter sido publicada em uma rede social, Marin e alguns amigos, incluindo algumas celebridades finlandesas, são vistos dançando e cantando.

Líderes de partidos da oposição criticaram fortemente a premiê — com um deles exigindo que ela fizesse um exame toxicológico.

Marin, que tem 36 anos, disse que não usou drogas, apenas bebeu e curtiu a festa “de maneira barulhenta”.

‘A mais descolada’

Marin havia ganhado o rótulo de primeira-ministra “mais descolada do mundo” na semana passada pelo site de notícias alemão Bild.

Ela já foi a primeira-ministra mais jovem do mundo e não esconde que gosta de festas — tendo sido fotografada em festivais de música diversas vezes.

No ano passado, Marin pediu desculpas públicas por ir para a balada depois de ter contato próximo com alguém que estava com covid-19.

Falando sobre o ocorrido, a premiê disse que sabia que estava sendo filmada, mas ficou chateada que o vídeo se tornou público.

“Dancei, cantei e curti a festa — coisas perfeitamente legais”, disse Marin. “Nunca estive em uma situação de usar drogas ou em que eu tenha visto pessoas usando drogas”, afirmou.

A líder da oposição Riikka Purra defendeu que Marin faça um exame toxicológico, dizendo que uma “sombra de dúvida” pesa sobre a primeira-ministra.

Outros políticos de oposição, no entanto, criticaram tanto a primeira-ministra quanto a mídia por falar da festa — em vez de tratar de problemas domésticos mais importantes.

A jornalistas, Marin disse: “Tenho uma vida pessoal e uma vida profissional. E tenho tempo livre para passar com meus amigos. O mesmo que muitas pessoas da minha idade”.

Ela afirmou que não vai mudar seu comportamento por causa das críticas.

“Vou continuar a ser exatamente a mesma pessoa que fui até agora e espero que isso seja aceito”, acrescentou.




Leia também:

Terra Brasil Notícias