Câmara aprova projeto que proíbe alterações na Bíblia

Câmara aprova projeto que proíbe alterações na Bíblia

A Câmara aprovou nesta quarta-feira (23) o projeto de lei que proíbe alterações, edições ou adições no texto da Bíblia. O texto, que tramitava em regime de urgência na Câmara, foi aprovado em votação simbólica, com manifestações contrárias do Novo, PSOL e Rede, e, com isso agora será encaminhado ao Senado.

A proposta foi apresentada pelo deputado Pastor Sargento Isidório (Avante-BA) e conta com um artigo, que veda “qualquer alteração, edição ou adição aos textos da Bíblia Sagrada, composta pelo Antigo e pelo Novo Testamento em seus capítulos ou versículos, sendo garantida a pregação do seu conteúdo em todo território nacional.” 

O parlamentar alega que os cristãos consideram a Bíblia a Palavra de Deus na Terra, “o que torna qualquer alteração na redação deste Livro um ato mais que absurdo, flagrantemente uma intolerância religiosa e porque não dizer uma grande ofensa para a maioria dos brasileiros, independente da sua religião”.

O relator, deputado Eli Borges (PL-TO), não fez alterações no texto.

Com informações de O Antagonista




Leia também:

Terra Brasil Notícias