Protestos na Rússia contra mobilização de reservistas têm mais de mil detidos; VEJA VÍDEO

Protestos na Rússia contra mobilização de reservistas têm mais de mil detidos; VEJA VÍDEO

As forças de segurança russas já prenderam mais de mil pessoas durante um protesto nacional convocado por um movimento pacifista nesta quarta-feira (21) contra a mobilização de reservistas anunciada pelo presidente Vladimir Putin como parte da ofensiva militar na Ucrânia.

A organização independente OVD-Info, que acompanha as detenções e foi declarada agente estrangeira na Rússia, disse que 1.113 pessoas foram detidas em 38 cidades até o meio da tarde (horário de Brasília).

Ao menos 409 pessoas foram presas em Moscou e pelo menos 444 em São Petersburgo, de acordo com a mesma fonte.

As pessoas reunidas no protesto na capital gritaram “não à guerra” em meio a aplausos e “Putin para a trincheira”. Um manifestante com um cartaz de protesto foi imediatamente detido por agentes, que o levaram embora. Outros criticaram que “a polícia é a vergonha da Rússia”.




Leia também:

Terra Brasil Notícias