Detento tenta fugir de Alcaçuz após receber bilhetes de advogado envolvido com facção 

Detento tenta fugir de Alcaçuz após receber bilhetes de advogado envolvido com facção 

Foto: SEAP

Operação da Polícia Penal realizada nesta terça-feira (16) sob coordenação da Secretaria da Administração Penitenciária (SEAP), identificou e frustrou um plano de fuga de presos da Penitenciária Rogério Coutinho Madruga, no Complexo de Alcaçuz, em Nísia Floresta. Um dos detentos que planejava a ação recebeu mensagem de um dos advogados envolvidos na Operação Carteiras do Ministério Público. Além dele, outros cinco responderão a sindicância e devem ter as penas aumentadas.

A ação é um reforço na rotina de segurança das unidades prisionais do Estado. Na fiscalização, os detentos são levados ao pátio e os servidores revistam cadeados, grades, paredes, teto, piso, pias, vasos e as instalações das celas, corredores e áreas de convivência.

Em uma das carceragens, os agentes identificaram um dano na estrutura por onde ocorreria uma tentativa de fuga. A cela é justamente aquela utilizada para conter os presos indisciplinados. E levantou suspeita por causa das faltas recentes de alguns apenados. A direção da penitenciária acredita que alguns presos cometeram atos de indisciplina para serem contidos na cela danificada.

A SEAP determinou providência para reforçar a segurança interna e externa. A direção do Rogério Coutinho adotará novas medidas para frustrar esse tipo de empreitada criminosa. Dada a dimensão da operação, as visitas de familiares de presos e o atendimento dos advogados foram suspensos na unidade. O Sistema Prisional do RN está sob controle e seguro, sem registro de fuga, rebelião ou motim há mais de um ano.

96 FM Natal




Leia também:

Terra Brasil Notícias