RJ tem mais de 90 vítimas de balas perdidas em 2022

RJ tem mais de 90 vítimas de balas perdidas em 2022

Somente nesta terça-feira (22), duas pessoas morreram baleadas na Baixada Fluminense, segundo o instituto Fogo Cruzado

Um levantamento do instituto Fogo Cruzado revelou que 91 pessoas foram vítimas de balas perdidas, sendo que 24 morreram, no estado do Rio em 2022.

Os dois casos mais recentes ocorreram na Baixada Fluminense na última terça (22). Entre as vítimas está um passageiro de ônibus que não resistiu após ter sido atingido em Duque de Caxias.

Marcelo Gangreiro, de 51 anos, estava a caminho do trabalho quando foi surpreendido por um tiroteio. O coletivo passava perto da comunidade do Barro Vermelho no momento em que ocorria uma ação policial nas comunidades do Sapinho e do Dique.

A DHBF (Delegacia de Homicídios da Baixada Fluminense) foi acionada para investigar de onde partiu o tiro que feriu a vítima. 

Segundo informações da Record TV Rio, um PM também ficou ferido por estilhaços de vidro e um suspeito foi achado morto na ação. 
Em 2021, o número de vítimas de balas perdidas passou de cem no Grande Rio, ainda de acordo com dados do Fogo Cruzado. No primeiro trimestre deste ano, foram identificados cerca de oito tiroteios por dia. 




Leia também:

Terra Brasil Notícias