Saiba como evitar golpes no Instagram; veja os crimes mais comuns

Saiba como evitar golpes no Instagram; veja os crimes mais comuns

O Serasa alerta para tentativas de golpe que ocorrem por meio do Instagram. O alvo, explica a entidade, são “usuários pouco atentos às questões de segurança e de privacidade do perfil, pessoas que se expõem exageradamente nas postagens e, ao mesmo tempo, esquecem de criar senhas fortes”.  

“Ao identificar e ativar gatilhos emocionais nos posts feitos pelas vítimas, os criminosos se aproveitam de brechas para furtar dados pessoais e impor fraudes financeiras que geram prejuízos materiais e psicológicos às vítimas”, completa.  

O Serasa listou três golpes mais comuns no aplicativo.  

Golpe do Perfil Verificado 

Pessoas que trabalham com Redes Sociais, seja para divulgar seu negócio ou como influenciador, buscam a verificação de perfil para trazer mais reconhecimento. Mas nem sempre é fácil de conseguir e, é nesse momento que os golpistas entram. 

Eles abordam a vítima se apresentando como Consultor de Imagem e autoridade digital por mensagem fechada (DM-Direct Message), e-mail ou anúncios prometendo a verificação de forma rápida e fácil. Na primeira etapa, os golpistas solicitam um cadastro, com dados de endereço, perfil, login, senha, identidade, telefone etc. Com os dados em mãos, pedem o pagamento à vista ou antecipado do processo, com valores que variam de R$1 mil a R$5 mil. Apesar de pagarem pelo serviço, muitas vítimas têm o pedido de verificação negado e não conseguem reaver o dinheiro 

Para não cair nesse tipo de golpe, faça o pedido de verificação no titular do perfil seguindo os passos: 

  • Clicar no menu superior e ir para “configurações”; 
  • Selecionar a opção “conta”; 
  • Avançar para a opção “solicitar verificação” e preencher o pedido. Para concluir a candidatura, é preciso digitalizar um documento de identidade a ser anexado e confirmar o interesse público dos conteúdos (figura pública, celebridade, marca ou instituição). 

Golpe do Perfil Hackeado 

Criminosos utilizam o nome de uma vítima que tenha uma conta pública no Instagram para criar um perfil, replicando as mesmas postagens e seguindo os mesmos perfis da conta original. 

 Com o perfil falso pronto, um post avisando que foi vítima de hacker e o envio de mensagem para os amigos que reagiram à publicação, pedindo um valor baixo para ser transferido para uma conta ou carteira digital. A promessa é devolver o valor assim que possível. 

Em muitos casos, o dono do perfil original não tem conhecimento do golpe e só fica sabendo quando começa a receber mensagens de cobrança ou alertas de amigos que caíram no golpe.

Golpe da Falsa Promoção 

 Semelhante ao do perfil hackeado, os fraudadores copiam as contas comerciais para divulgar sorteios e promoções, atraindo os mesmos seguidores da conta original. 

 Eles enviam links para os seguidores participarem do sorteio, com o objetivo de roubar os dados pessoais e usar para abrir contas em bancos, crediários, solicitar cartão de crédito, empréstimo ou outro uso indevido. 

Outra fraude comum no campo das promoções é a falsa venda de eletrodomésticos baratos nos stories. Os fraudadores invadem os perfis e publicam imagens de eletroeletrônicos com valores muito abaixo do mercado. Geralmente são postagens feitas em nome de um suposto amigo ou vizinho que está de mudança e precisa vender os itens. Os fraudadores migram conversa para o WhatsApp e lá pedem o pagamento via Pix para reservar o produto, que jamais será entregue. 

Confira cinco dicas para manter seu Instagram mais seguro 

 1) Ative a autenticação em duas etapas 

  • Nas configurações da conta, na opção Segurança, é possível ativar a autenticação de dois fatores para receber um código de login que protegerá o seu perfil dos golpistas. 

2) Ative a solicitação de login 

  • Ao ativar a autenticação de dois fatores no Instagram você receberá um alerta toda vez que alguém tentar entrar na sua conta. Os alertas indicarão qual dispositivo tentou fazer o login e onde ele está localizado. 
  • É possível também aprovar ou recusar de imediato a solicitação nos seus dispositivos conectados, bem como ter acesso à lista de dispositivos que entraram recentemente na sua conta. Para isso, vá em “Configurações”, “Segurança” e “Atividade de Login”. Se não reconhecer um login realizado recentemente, você poderá desconectar-se desse local ou dispositivo. 

3) Desconfie de mensagens suspeitas, não clique em links e não responda 

  • Certifique-se de manter contato só com pessoas conhecidas e de confiança. O Instagram ainda reforça que, se precisar entrar em contato, usará a aba “E-mails do Instagram”, que fica nas configurações. 

 4) Ajude sua comunidade a estar atenta a perfis suspeitos 

  • Denuncie conteúdo e contas suspeitas que sejam parecidas com os golpes citados acima, compartilhando o alerta para um post falso ou acessando a conta fraude e denunciando diretamente o perfil suspeito. 

 5) Jamais forneça dados pessoais para perfis desconhecidos 

  • Não acredite em qualquer mensagem ou oferta tentadora. Caso não conheça a origem, não avance na conversa e não clique em links. Os seus dados pessoais são o seu maior bem no ambiente digital, por isso, fique atento para o monitoramento de CPF ou CNPJ. 

Créditos: Portal O Tempo.




Leia também:

Terra Brasil Notícias