Nova foto do James Webb mostra anéis de Netuno com nitidez não vista em décadas

Nova foto do James Webb mostra anéis de Netuno com nitidez não vista em décadas

Câmera supersensível também capturou sete das 14 luas conhecidas do planeta

A Agência Espacial Europeia (ESA) divulgou nesta quarta-feira (21) uma imagem dos anéis de Netuno capturada pelo Telescópio James Webb — a foto mais nítida do planeta em mais de 30 anos.

Em um comunicado, a ESA disse que alguns dos anéis nunca foram vistos, “muito menos com essa clareza, desde o sobrevoo da Voyager 2 em 1989”.

A imagem mostra, além de vários anéis estreitos e brilhantes, as faixas de poeira mais fracas de Netuno.

“A qualidade de imagem extremamente estável e precisa do Webb também permite que esses anéis muito fracos sejam detectados tão perto de Netuno”, disse a agência.

Netuno foi descoberto em 1846, e desde então, tem fascinado e deixado pesquisadores perplexos com as descobertas.

O plaenta está localizado 30 vezes mais distante do Sol do que a Terra e orbita em uma das áreas mais escuras do Sistema Solar.

A essa distância extrema, o Sol é tão pequeno e fraco que o meio-dia em Netuno é semelhante a um crepúsculo na Terra.

“Já se passaram três décadas desde a última vez que vimos esses anéis fracos e empoeirados, e esta é a primeira vez que os vemos no infravermelho”, disse Heidi Hammel, especialista em sistema Neptune e cientista interdisciplinar do James Webb no comunicado.

A qualidade de imagem extremamente estável e precisa do Webb permite que esses anéis muito fracos sejam detectados tão perto de Netuno.

Netuno de campo amplo (imagem NIRCam)
Webb capturou sete das 14 luas conhecidas de Netuno: Galatea, Naiad, Thalassa, Despina, Proteus, Larissa e Triton. A grande e incomum lua de Netuno, Tritão. / NASA, ESA, CSA, STScI

Características de Netuno

Netuno é um planeta é classificado como um gigante de gelo devido à composição química de seu interior.

Em comparação com outros do mesmo tipo, como Júpiter e Saturno, Netuno é muito mais rico em elementos mais pesados ​​que o hidrogênio e o hélio.

As imagens do Telescópio Espacial Hubble da Nasa/ESA mostram essas características com a aparência azul da assinatura de Netuno nas em comprimentos de onda visíveis, causadas por pequenas quantidades de metano gasoso.

Netuno possui um campo magnético muito forte e também tem um sistema de anéis consistindo pelo menos cinco anéis, sendo uns mais finos que outros.

O telescópio Webb também capturou sete das 14 luas conhecidas do planeta.

Destacando-se na imagem do Webb, apareceponto de luz muito brilhante ostentando os picos de difração característicos vistos em muitas das imagens do telescópio, mas isso não é uma estrela. Em vez disso, esta é a grande e incomum lua de Netuno, Tritão.

Netuno de campo amplo (imagem NIRCam)
Netuno de campo amplo (imagem NIRCam)



Leia também:

Terra Brasil Notícias