Bolsa sobe 1,46% e ultrapassa 110 mil pontos; dólar cai e fica a R$ 5,085 

Bolsa sobe 1,46% e ultrapassa 110 mil pontos; dólar cai e fica a R$ 5,085 

O Ibovespa, principal índice da B3, a Bolsa de Valores de São Paulo, teve alta na sessão de hoje, encerrando o pregão com crescimento de 1,46%, a 110.235,76 pontos. A última vez que a Bolsa fechou acima dos 110 mil pontos foi no dia 7 de junho, quando o pregão encerrou a 110.069,76. O dólar comercial, por sua vez, caiu. A moeda chegou a ter uma queda expressiva ao longo do dia, mas fechou a quarta-feira em baixa de 0,87%, cotada a R$ 5,085.

Na variação semanal, a Bolsa subiu 3,54%, na mensal, 6,85%. Na anual, o balanço foi 5,16% positivo.

O índice foi impactado pela divulgação dos números de desemprego nos Estados Unidos, que foram melhores do que o que era esperado.

No Brasil, o alívio na inflação, com deflação no IPCA no mês passado, reforça a avaliação de que o Banco Central pode ter encerrado o ciclo de alta da Selic ou finalizará o ajuste na próxima reunião. Tal perspectiva tem apoiado principalmente ações de setores como o de consumo e sensíveis a juros.

A maior alta foi da resseguradora IRB Brasil (IRBR3), que subiu 8,93%. O destaque negativo ficou com a Companhia Paranaense de Energia (CPLE6), que recuou 1,92%.

Dólar caiu frente à inflação americana

O dólar fechou com queda de 0,87%, a R$ 5,085. Ao longo do dia, a moeda estrangeira chegou a cair mais de 1,82%, ficando cotada a R$ 5,036, mas depois recuperou parte das perdas.

Na variação semanal, a moeda estrangeira recuou 1,58%, na mensal, 1,73% e na anual, 8,80%.




Leia também:

Terra Brasil Notícias