Ex-militar é morto com tiro na cabeça dentro de trem no RJ, VEJA VÍDEO

Ex-militar é morto com tiro na cabeça dentro de trem no RJ, VEJA VÍDEO

A composição, que fazia viagem no ramal Santa Cruz, ia em direção à Central do Brasil

Um homem identificado como Jairo Jonatan, 24 anos, foi morto com um tiro na cabeça na tarde desta segunda-feira (27) dentro de um trem, em Deodoro, na Zona Oeste do Rio. A composição, do ramal Santa Cruz, seguia em direção à Central do Brasil.

De acordo com familiares, Jairo era ex-militar e trabalhava como garçom no Maracanã. Ele foi atingida pelos disparos quando o trem parou na estação. O atirador teria levantado do assento e atirado contra o homem, que estava sentado, segundo testemunhas.

De acordo com relatos de redes sociais, o trem estava lotado no momento da execução e o autor dos disparos teria fugido junto em meio à multidão, que correu pela plataforma após os disparos.

O Corpo de Bombeiros e as polícias Civil e Militar foram acionados para verificar a ocorrência.A Polícia Militar informou que agentes do GPFer (Grupamento de Policiamento Ferroviário) foram acionados para ocorrência de disparos de arma de fogo na estação de trens de Deodoro. Após solicitação da Supervia, a equipe policial chegou ao local e solicitou o Corpo de Bombeiros que constatou óbito no interior da composição. A ocorrência está em andamento.

A SuperVia confirmou o fato e informou que registrou a ocorrência de segurança pública dentro de um trem que seguia de Santa Cruz (ramal Santa Cruz) para a Central do Brasil, na estação Deodoro, nesta segunda, por volta das 14h. A concessionária acionou o Corpo de Bombeiros e o Grupamento de Policiamento Ferroviário (GPFer) para as providências necessárias. A viagem precisou ser encerrada em Deodoro e os passageiros tiveram de seguir viagem em outras composições.




Leia também:

Terra Brasil Notícias