Professora ensina a crianças que gramática ‘é coisa’ de supremacia branca

Professora ensina a crianças que gramática ‘é coisa’ de supremacia branca

Docente criticou ‘normas de colonizadores ocidentais’

Foto: Divulgação/Agência Brasil 

Em um vídeo publicado no TikTok, a professora de inglês Marta Shaffer, da escola pública de Oroville, na Califórnia, admitiu que ensina a seus alunos pequenos que “gramática é coisa de supremacia branca”. Conforme a educadora, as normas que regem a língua são uma “invenção ocidental”.

Segundo ela, os estudantes “perdem tempo” preocupando-se em escrever da forma que o “Ocidente deseja”. “Tento minar essa besteira nas minhas aulas o máximo que posso”, disse Marta, cujo canal tem 13 mil seguidores no app.

Um dos exemplos “negativos” citados por Marta é a estrutura usada pelos alunos ao iniciarem uma redação. Para a professora, o primeiro parágrafo ser dedicado à apresentação de uma ideia faz parte de uma “estrutura racista”, bem como as palavras “porém” e “portanto”. Conforme a professora, esses termos são “colonizadores”, “opressivos” e estabelecidos por “brancos”.

Marta disse que propõe aos seus alunos o uso de termos que sejam “inclusivos” para todos, em vez de frases de “supremacia branca”. A docente elogiou o uso do Vernáculo Afro-Americano, um dialeto usado por pessoas negras nos Estados Unidos. Para ela, é uma forma melhor de se comunicar que o inglês.

Revista Oeste



Leia também:

Terra Brasil Notícias