Como? Lula diz que é contra o aborto mas tem que deixar a mulher fazer o aborto: “O corpo é dela”

Como? Lula diz que é contra o aborto mas tem que deixar a mulher fazer o aborto: “O corpo é  dela”

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) afirmou que é contra o aborto e que o tema não da alçada de um presidente, mas do Legislativo. Lula disse ainda que a mulher tem “supremacia sobre o seu corpo”.

“Sou contra o aborto. Sou pai de cinco filhos, avô de oito netos, bisavô de uma bisneta, sou contra o aborto”, disse o petista à imprensa antes de começar uma caminhada em Guarulhos nesta sexta-feira (7).

“E mesmo porque muitas vezes quem tem que decidir o aborto ou não é quem está grávida, normalmente a mulher, que tem que ter mais poder de dizer se quer ou não”, afirmou Lula. “A lei existe, diz como é que pode acontecer ou não o aborto. Não é papel do presidente da República, é papel do Poder Legislativo, e, sobretudo, cabe muito a gente entender que a mulher tem supremacia sobre o seu corpo”, disse.




Leia também:

Terra Brasil Notícias