Governo Bolsonaro vai investir mais R$ 9 milhões em obras da CBTU em Natal

Governo Bolsonaro vai investir mais R$ 9 milhões em obras da CBTU em Natal

Foto: Adalberto Marques

O Governo Federal, por meio do Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), anunciou, nesta sexta-feira (1º), investimentos em mobilidade e infraestrutura urbana na Região Metropolitana de Natal, no Rio Grande do Norte. O ministro Daniel Ferreira cumpriu agendas em Parnamirim e São José de Mipibu, onde visitou obras da linha férrea que atende os municípios e autorizou aportes de recursos nessas localidades.

Em São José de Mipibu, foi feita vistoria técnica às obras da Estação Bonfim, da Linha Branca da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU). Além disso, foi anunciado o aporte de mais R$ 9 milhões para o prosseguimento das obras dos Trechos II e III da Linha Branca.

O ministro Daniel Ferreira lembrou que, a partir da operacionalização de toda a Linha Branca, haverá redução de custos para os usuários do transporte público em São José de Mipibu, Parnamirim e Nísia Floresta – cidades que passarão a ser atendidas a partir da conclusão de toda a linha férrea – no deslocamento até a capital Natal. Além disso, ele destacou o impacto positivo para as famílias.

“Hoje, quem faz esse trajeto gasta R$ 12 em ida e volta. Ele vai passar a gastar R$ 5, menos da metade. Em um orçamento familiar, significa muito. E reduz o tempo de deslocamento. É aquela mãe, é aquele pai, que vão passar a ter alguns minutos a mais com seu filho no final do dia”, reforçou.

As obras dos Trechos II e III têm previsão de serem finalizadas ainda neste ano. As duas etapas contam com R$ 51,6 milhões em investimentos federais e estão com 37% de execução. Juntas, terão 20 quilômetros de vias e três estações de parada, sendo uma em São José de Mipibu e duas em Nísia Floresta.

Em março, foi entregue a Estação Cajupiranga, que marcou a conclusão do Trecho I da Linha Branca, que atende o perímetro urbano de Parnamirim, com 3,4 quilômetros de via férrea. A infraestrutura passou a ser operacional em maio. O primeiro ponto de parada da linha férrea, a Estação Boa Esperança, foi inaugurada em fevereiro.

Ao todo, o Governo Federal vai investir R$ 90,7 milhões na malha férrea no Rio Grande do Norte, que contempla ainda a construção da Linha Roxa. Os recursos possibilitarão a construção de oito estações, 30 quilômetros de linha férrea e a aquisição de 30 composições e três vagões. Com isso, a malha ferroviária da Grande Natal se tornará a mais extensa do Nordeste e a terceira maior do País, atrás apenas das Regiões Metropolitanas de São Paulo e do Rio de Janeiro.

A CBTU no Rio Grande do Norte transporta, em média, 11,6 mil pessoas por dia. O sistema conta com 60 quilômetros de linhas férreas e 25 estações.

Linha Roxa

A construção da Linha Roxa da CBTU na Grande Natal teve a pedra fundamental lançada em setembro de 2021. Com aporte de R$ 18,7 milhões do Governo Federal, o empreendimento contempla a instalação de 4,1 quilômetros de trilhos e a construção de três estações: BR-101 Norte, Guararapes e Vicunha. A previsão é que 2 mil pessoas sejam atendidas diariamente pelo ramal, que ligará a Região Metropolitana de Natal aos municípios de São Gonçalo do Amarante e Extremoz. As obras estão 43% concluídas.

Outras praças

Além dos investimentos para a Linha Branca da CBTU de Natal, o ministro Daniel Ferreira também anunciou o aporte de outros R$ 20 milhões para o custeio das operações nas praças atendidas pela Companhia Brasileira de Trens Urbanos. Esses valores vão atender as Regiões Metropolitanas de Natal (RN), Recife (PE), Belo Horizonte (MG), Maceió (AL) e João Pessoa (PB).




Leia também:

Terra Brasil Notícias