Pontes do Diabo: veja onde estão espalhadas e saiba suas lendas

Pontes do Diabo: veja onde estão espalhadas e saiba suas lendas

Você sabia que, na Europa, existem várias pontes envoltas em lendas diabólicas? São as Pontes do Diabo espalhadas por diferentes países. Há dezenas delas, sempre com lendas bem parecidas.

Geralmente, pela lenda, os construtores tinham dificuldade na obra, faziam pacto com o Diabo e a ponte ficava pronta, sob condição de que o primeiro a atravessá-la entregaria a alma ao Diabo. Mas, depois, os aldeões botavam um animal para passar primeiro.

Veja algumas dessas pontes “diabólicas”, em diferentes partes da Europa. Feitas de pedra sobre rios, são monumentos históricos e pontos de visitação para os “corajosos”. A informação é do MSN Notícias.

Slide 4 de 20: Ponte do Diabo (Portugal) - A Ponte da Mizarela foi erguida na Idade Média sobre o rio Rabagão, entre Vieira do Minho e Montalegre.

Ponte do Diabo (Portugal) – A Ponte da Mizarela foi erguida na Idade Média sobre o rio Rabagão, entre Vieira do Minho e Montalegre. Foi feita em granito com um único arco, com vão de até 13 metros. Diz a lenda que foi construída pelo próprio Diabo num pacto com um fugitivo que precisava atravessar o rio.

Slide 6 de 20: Ponte do Diabo (Espanha) - O Aqueduto de Les Ferreres foi construído no Império Romano para levar água à antiga Tarraco, hoje cidade de Tarragona. Acredita-se que foi erguido no tempo do Imperador Augusto (27 a.C a 14 d.C).

Ponte do Diabo (Espanha) – O Aqueduto de Les Ferreres foi construído no Império Romano para levar água à antiga Tarraco, hoje cidade de Tarragona. Acredita-se que foi erguido no tempo do Imperador Augusto (27 a.C a 14 d.C). Lenda: o Diabo fez a ponte ao ganhar uma aposta no local onde uma donzela entregou a alma. O aqueduto tinha 25 km. Hoje são 217m por 27m de altura. Foi restaurado no século18. A área verde tem trilhas para ciclismo e caminhada.

Slide 8 de 20: Ponte do Diabo (França) - Construída no século 14, a Old Bridge fica na cidade de Céret, nos Pirineus Orientais, no Sul da França. Atravessa o rio Tech e passou por reparos no século 18.

Ponte do Diabo (França) – Construída no século 14, a Old Bridge fica na cidade de Céret, nos Pirineus Orientais, no Sul da França. Atravessa o rio Tech e passou por reparos no século 18. A ponte é feita de pedra com um só arco, com vão de 45 metros. A lenda diz que o Diabo, na verdade, tentou dificultar a obra.

Slide 10 de 20: Ponte do Diabo (Alemanha) - Construída em 1860, a Rakotzbrücke faz parte do Parque Kromlau, criado no século 19, perto da fronteira com a Polônia. A ponte em arco, refletida na água, forma um círculo.

Ponte do Diabo (Alemanha) – Construída em 1860, a Rakotzbrücke faz parte do Parque Kromlau, criado no século 19, perto da fronteira com a Polônia. A ponte em arco, refletida na água, forma um círculo. Reza a lenda que a obra era tão difícil que só o Diabo poderia fazê-la. Na noite de 1 de maio de cada ano, as bruxas alemãs se reúnem para observar a ponte e a Floresta Negra onde ela fica.

Slide 12 de 20: Ponte do Diabo (Itália) - Construída entre os séculos 11 e 12, a Ponte della Madalena fica em Borgo a Mozzano, Província de Lucca, aos pés dos Apeninos Tosco-Emilianos, sobre o Rio Serchi. Lenda: o construtor estava desesperado com enchentes que atrasavam a obra...

Ponte do Diabo (Itália) – Construída entre os séculos 11 e 12, a Ponte della Madalena fica em Borgo a Mozzano, Província de Lucca, aos pés dos Apeninos Tosco-Emilianos, sobre o Rio Serchi. Lenda: o construtor estava desesperado com enchentes que atrasavam a obra aí fez pacto com o Diabo que até hoje aparece nas últimas noites de outubro (no Halloween), sob forma de um cão.

Slide 15 de 20: Ponte do Diabo (País de Gales) - A Pontarfynach, na localidade de Ceredigion, tem três pontes construídas uma sobre a outra. A original é de 1075; a segunda do século 18; e a última foi adicionada no século 20, para reforçar toda a construção.

Ponte do Diabo (País de Gales) – A Pontarfynach, na localidade de Ceredigion, tem três pontes construídas uma sobre a outra. A original é de 1075; a segunda do século 18; e a última foi adicionada no século 20, para reforçar toda a construção. Lenda: a ponte foi construída a pedido de uma mulher cuja vaca foi parar do lado oposto do rio. O Diabo exigiu a primeira alma que atravessasse a ponte e a mulher jogou pão para que seu cachorro passasse primeiro.

Slide 17 de 20: Ponte do Diabo (Bulgária) - Passa sobre o Rio Arda, em forma de arco, numa estreita garganta. Foi construída entre 1515 e 1518 pelo governo otomano.

Ponte do Diabo (Bulgária) – Passa sobre o Rio Arda, em forma de arco, numa estreita garganta. Foi construída entre 1515 e 1518 pelo governo otomano. A ponte tem 56 metros de comprimento e 3 arcos, mas também pequenos arcos semicirculares para marcar o nível das águas.

Slide 19 de 20: Ponte da Suíça - É a mais famosa ponte do Schöllenen Gorge, no cantão suíço de Uri entre as cidades de Göschenen e Andermatt.

Ponte da Suíça – É a mais famosa ponte do Schöllenen Gorge, no cantão suíço de Uri entre as cidades de Göschenen e Andermatt. Lenda: um pastor suíço fez o pacto com o Diabo pela ponte e, em vez de oferecer almas de pessoas, os aldeões botavam cabras para serem sempre as primeiras a passar. Ele tentou destruir a ponte, mas uma mulher idosa com uma cruz o impediu.




Leia também:

Terra Brasil Notícias