Policial militar é morto com tiro na cabeça no Rio de Janeiro

Policial militar é morto com tiro na cabeça no Rio de Janeiro

Sargento foi encaminhado para o Hospital Getúlio Vargas, chegou a receber atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos

No domingo de Dia dos Pais, 14, mais um policial militar do Rio de Janeiro foi morto baleado em serviço. O sargento Nelcir de Paula Jacobino, de 53 anos, estava na Polícia Militar desde 1999 e deixou a mulher e dois filhos. A vítima foi atingida na cabeça enquanto estava fazendo um patrulhamento na região de Irajá, Zona Norte da capital fluminense. De acordo com as informações cedidas pelas autoridades, um carro foi emparelhado com a viatura da polícia antes de Nelcir ser atingido por um tiro na cabeça. O sargento foi encaminhado para o Hospital Getúlio Vargas, chegou a receber atendimento médico, mas não resistiu aos ferimentos. Ainda segundo a Delegacia de Homicídios da Barra da Tijuca, na Zona Oeste, o caso está sendo investigado e até o momento ninguém foi preso. A Polícia Civil disse que vai intensificar as buscas em Irajá para tentar encontrar os criminosos.




Leia também:

Terra Brasil Notícias