Condenado por roubo e formação de quadrilha, brasileiro é morto com 11 tiros na Bolívia

Condenado por roubo e formação de quadrilha, brasileiro é morto com 11 tiros na Bolívia

O criminoso cuiabano Vinicius Bernardinelli Dacache, de 36 anos, foi assassinado com 11 tiros na cidade de San Matías, na Bolívia, na última quarta-feira (12). Em 2006, ele foi condenado a 16 anos e oito meses de prisão por envolvimento em um roubo na agência da Caixa Econômica Federal ocorrido no dia 4 de junho do ano anterior. Na ocasião, foram roubados R$ 195 mil de malotes que chegavam à agência, localizada no bairro Boa Esperança.

Vinicius também já havia sido preso por roubo em Tangará da Serra. De acordo com informações de sites locais da Bolívia, Vinicius atuava no ramo de tratores e máquinas e três dos tiros foram na cabeça dele. A informação é do Jornal O Globo.

Consta ainda que ele não estava com o celular ou as chaves de um carro que estava próximo ao corpo dele. Os familiares do empresário foram até San Matias e realizaram o translado do corpo dele para Cuiabá.

O sepultamento dele aconteceu na manhã desta sexta-feira (12). Ainda conforme informações locais, não foram identificados os responsáveis pela morte de Vinicius.




Leia também:

Terra Brasil Notícias