Conselho de Ética abre processo contra deputado Glauber Braga, do Psol

Conselho de Ética abre processo contra deputado Glauber Braga, do Psol

Briga no plenário terminou com processo contra parlamentar

Na terça-feira 15, o Conselho de Ética da Câmara dos Deputados abriu um processo por quebra de decoro parlamentar contra o deputado federal Glauber Braga (Psol-RJ). Ele pode ter o mandato cassado.

A representação contra Braga foi apresentada pelo PL depois de o psolista discutir com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), durante sessão de 31 de maio. Para a legenda, o deputado foi “desrespeitoso e agressivo” contra Lira.

Durante votação da proposta que modifica a política de preços da Petrobras, Braga usou o microfone para perguntar se Arthur Lira (PP-AL) não tinha “vergonha” de defender a privatização da estatal. O clima esquentou. Segundo Lira, Braga não estava inscrito pelo Psol para falar sobre o assunto.

“Peço que se contenha, faça suas críticas, agora não venha com palavras de baixo calão, porque só falta o senhor chamar qualquer deputado para a briga neste plenário”, disse Lira. “Se faltar com respeito, vai ao Supremo Tribunal Federal.” Braga subiu ainda mais o tom e chamou Lira de “ditador”.




Leia também:

Terra Brasil Notícias