Lula já aceitou que não vai alcançar Bolsonaro nas redes sociais

Lula já aceitou que não vai alcançar Bolsonaro nas redes sociais

Petistas que assumiram o núcleo de comunicação da campanha de Lula se reuniram pela primeira vez nesta segunda-feira (9/5)

O novo núcleo de comunicação da campanha de Lula chegou ao entendimento de que não será possível montar um aparato digital semelhante ao de Jair Bolsonaro a tempo da eleição de outubro.

A primeira reunião do núcleo ocorreu nesta segunda-feira (9/5), em São Paulo. A comunicação de Lula será dividida entre o deputado Rui Falcão e o prefeito de Araraquara, Edinho Silva. O marqueteiro Sidônio Palmeira trabalhará com a dupla, mas não participou desta reunião.

No encontro, os petistas fizeram o diagnóstico de que Bolsonaro usou o governo para criar um aparato profissional para explorar redes como o WhatsApp e o Telegram. A capilaridade bolsonarista nos aplicativos de mensagem é a maior preocupação da campanha de Lula.

A área de comunicação admite que o PT dependerá muito de influenciadores digitaise de artistas para fazer uma contraofensiva e ganhar terreno nas redes sociais.




Leia também:

Terra Brasil Notícias