LULA: ex-presidente, ex-presidiário, ex-corrupto e ex-lavador de dinheiro, sua moradia atual de 700 metros e seu repúdio pela classe média; OPNIÃO DR Júnior Melo

LULA: ex-presidente, ex-presidiário, ex-corrupto e ex-lavador de dinheiro, sua moradia atual de 700 metros e seu repúdio pela classe média; OPNIÃO DR Júnior Melo

No Brasil de Lula da Silva, em campanhas na CUT, bate sem dó nem piedade na classe média brasileira, alvo eterno da fúria sindical e da esquerda brasileira, porém apesar de sua indignação com ostentação da classe media que possui mais de um televisor, o petista Lula da Silva não parece achar que ostentar seja um problema para o seleto clube dos milionários ao qual pertence.

A verdade é que a canhotinha brasileira não suporta o pobre que deixou de ser pobre mas não se tornou rico. No Brasil, oficialmente ao menos, classe média significa uma família com renda mensal de três a sete mil reais. Classe média que surgiu como uma consequência da consolidação do capitalismo e não antes dele devido aos fatores de segmentação social em camadas, resultantes do desenvolvimento econômico; é um fenômeno típico da industrialização.

Dentro desse contexto, a amalucada e musa do PT Marilena Chauí, ícone da esquerda caviar, em uma de suas “crises de surto” irada berrou: ‘eu odeio a classe média, a classe média é o atraso, é a estupidez, é o que tem de mais reacionário, ignorante e terrorista’, sob aplausos de possíveis “vendados” da plateia esquerdopata.

Essa é a ‘filósofa’, cretina de populistas. Ela se referia à classe média rica, àquela que ‘consome bens materiais, muda de casa, compra carro e acha que ficou rica’ (palavras enojadas da moça).

 Na prática, porém, as tais críticas parecem não se aplicar ao estilo de vida que o próprio Lula leva atualmente.




Leia também:

Terra Brasil Notícias