EXTRA TBN: AGU diz ao Supremo que indulto de Bolsonaro a Daniel Silveira é constitucional

EXTRA TBN: AGU diz ao Supremo que indulto de Bolsonaro a Daniel Silveira é constitucional

Em manifestação enviada ao Supremo Tribunal Federal (STF) nesta terça-feira (10), a Advocacia-Geral da União (AGU) afirmou que o indulto concedido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) ao deputado Daniel Silveira (PTB-RJ) é constitucional. O documento foi encaminhado à ministra Rosa Weber, relatora dos processos que questionam a legalidade da ação de Bolsonaro.

“Tendo em vista que o Decreto Presidencial de 21 de abril de 2022 observou todos os parâmetros que lhe foram impostos pelo poder constituinte originário, não tratando de crimes vedados pela Constituição, entende-se que tal ato não padece de inconstitucionalidade, não havendo qualquer violação à direito fundamental”, disse a AGU, que é comandada por Bruno Bianco.

Ainda segundo a Advocacia-Geral da União, “o indulto é uma ferramenta que se amolda ao modelo de freios e contrapesos, como tantos outros instrumentos presentes na Constituição brasileira e em outros estados democráticos de direito. Sua concessão, por conseguinte, não revela crise entre os Poderes, mas mera oposição tipicamente constitucional”.

O decreto de Jair Bolsonaro foi editado em 21 de abril, um dia após o STF condenar Daniel Silveira a oito anos e nove meses de prisão.

Créditos: O Antagonista.




Leia também:

Terra Brasil Notícias