Kelps defende “penhorar” bens de Fátima em troca dos R$ 5 milhões dos respiradores

Kelps defende “penhorar” bens de Fátima em troca dos R$ 5 milhões dos respiradores

Foto: Sandro Barbosa / Milka Moura

O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) defendeu nesta terça-feira (26), em entrevista à 98 FM, que os bens da governadora Fátima Bezerra (PT) sejam “penhorados” a fim de garantir que o Rio Grande do Norte terá de volta os R$ 5 milhões investidos na compra frustrada de respiradores no auge da pandemia de Covid-19.

Ele sugeriu, também, que sejam bloqueados bens do governador da Bahia, Rui Costa (PT); do secretário-executivo do Consórcio Nordeste, Carlos Gabas; e do ex-secretário da Casa Civil do governo da Bahia Bruno Dauster.

Kelps afirmou que, durante a CPI da Covid na Assembleia Legislativa, não foram reunidos elementos que apontem que a governadora teve envolvimento com alguma prática criminosa, mas ele diz que ela cometeu improbidade ao autorizar o encaminhamento dos recursos sem checar a reputação da empresa.

“A governadora, por má gestão e conivência, fez o Rio Grande do Norte perder R$ 5 milhões e continua protegendo”, afirmou o deputado.

Ele defendeu a penhora dos bens da governadora quando perguntado sobre a sua expectativa de que os valores sejam devolvidos aos cofres públicos.

“Dos empresários e lobistas, não, porque são todos profissionais do ramo do crime e já deram sumiço no dinheiro. É preciso penhorar os bens de Rui Costa, de Carlos Gabas, da governadora Fátima na ação de improbidade, de Bruno Dauster, que é milionário… Com os bens destes, devolver dinheiro ao povo do Rio Grande do Norte”, finalizou.

Os estados do Nordeste anteciparam, através do Consórcio Nordeste, R$ 48 milhões para a empresa Hempcare para receber 300 respiradores durante o auge da pandemia, em 2020. A empresa não entregou os equipamentos e não devolveu o dinheiro. Os estados alegam que foram vítimas de um golpe e foram os primeiros a denunciar o problema. Os donos da empresa chegaram a ser presos.

98 FM Natal




Leia também:

Terra Brasil Notícias