Depois de proibição, Kinder diz que produtos no Brasil são seguros

Depois de proibição, Kinder diz que produtos no Brasil são seguros

Empresa se dirige ao consumidor do país depois de a Anvisa barrar comercialização de produtos por risco de contaminação

Dois dias depois de a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibir a comercialização, distribuição e importação dos produtos da marca Kinder, a empresa veio a público para defender a segurança dos modelos em circulação no Brasil.

A proibição aconteceu em razão do surto de salmonela em chocolates da marca, detectado em mercados internacionais. O Brasil não está incluído na lista de países para os quais o produto foi distribuído, mas mesmo assim a agência decidiu pelo veto, como medida preventiva, bem na semana da Páscoa. A decisão vale para os lotes fabricados pela empresa Ferrero na Bélgica.

“O Brasil não está envolvido no recall de produtos Kinder fabricados na Bélgica”, manifestou a nota em comunicado.

“A fábrica só será reaberta depois de certificada pelas autoridades. Apenas os produtos Kinder fabricados em Arlon, Bélgica, são afetados por este recall. Todos os outros produtos da linha Kinder e os outros produtos da Ferrero não foram afetados.”

Além da medida de proibição, a Anvisa também notificou a empresa a prestar informações sobre os produtos e sobre o controle de importações por terceiros.

A Ferrero, fabricante do Kinder Ovo no Brasil, havia sido requisitada nos últimos dias pela Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça e Segurança Pública a prestar esclarecimentos sobre a segurança dos seus produtos.

A medida foi tomada após mais de 100 casos de salmonela na Europa. Suspeitas do foco da contaminação são voltadas para os chocolates Kinder Ovo fabricados na Bélgica. Uma das fábricas fechou e em todo o continente foi feita a retirada de produtos dos mercados. A Ferrero realizou o recall,para evitar mais casos de intoxicação.

O que é a salmonela?

A salmonela (Salmonella enterica eSalmonella bongori) é um tipo de bactéria transmitida pela ingestão de alimentos crus ou malcozidos contaminados por fezes. Ela causa uma infecção bacteriana chamada salmonelose.

A salmonela nos ovos malcozidos é muito conhecida, mas as carnes de aves, como o frango e o pato, o leite não pasteurizado e até mesmo a água são passíveis de contaminação pela bactéria.

Os principais sintomas da doença são dor abdominal, vômitos e diarreia e costumam surgir de 12 a 36 horas depois da ingestão de comidas contaminadas.




Leia também:

Terra Brasil Notícias