Atriz sobre cartaz da Paixão de Cristo: ‘Sem verba para figurino’

Atriz sobre cartaz da Paixão de Cristo: ‘Sem verba para figurino’

Ela disse que a organização da Paixão de Cristo de Teresina não tinha verba para as atrizes vestirem o figurino para fotos de divulgação. Elas enviaram fotos pessoais apenas para a confirmação de presença.

A atriz Pillar Costa publicou um vídeo em seu perfil no Instagram onde explicou as circunstâncias da criação do cartaz do espetáculo Paixão de Cristo do Monte Castelo, apresentado em Teresina. Ela, que interpreta Maria de Cleófas (tia de Jesus) na encenação, explicou que as atrizes não estavam usando o figurino nas fotos porque “não tinha verba” para que pudessem vesti-los antes da peça. 

“Em momento nenhum foi dito que ali é a minha personagem. Uma das meninas faz o diabo, ali não é o diabo. (…) Foi uma montagem. Me pediram uma foto, apenas para confirmar a nossa presença. O que está sendo exposto é como se a gente estivesse usando isso como marketing. Sendo que não é uma coisa positiva. Estamos lidando com um ato religioso. O grupo do Monte Castelo tem 37 anos de história. E por que não foi feito com o figurino? Porque não tinha verba!”, declarou. 

Paixão de Cristo — Foto: Reprodução
Paixão de Cristo — Foto: Reprodução 

Ela destacou que a encenação da Paixão de Cristo é feita pelas próprias pessoas da comunidade, cerca de 250 integrantes do grupo que, eles próprios, produzem cenários e figurinos. Devido aos poucos recursos, não foi possível enviar o figurino para as atrizes ou trazê-las ao Piauí antes, para que fossem feitas as fotos com a caracterização das personagens. 

Pillar se emocionou ao gravar o vídeo e pediu que as pessoas sejam mais compreensivas, tenham mais amor no coração. Ela disse ainda que ela e as outras atrizes que aparecem no cartaz estão sofrendo muito “hate” (ataques de ódio) nas redes sociais. Ela pediu desculpas pela situação.

Atriz publicou vídeo nos stories onde aparece caracterizada com a roupa da personagemj — Foto: Reprodução
Atriz publicou vídeo nos stories onde aparece caracterizada com a roupa da personagem— Foto: Reprodução

“Primeiro, mil desculpas a quem se sentiu ofendido, quem pensa: ‘ah, não gostei, achei que podia ter feito diferente’. Primeiro, não foi a gente que fez, e o pessoal do marketing não fez com intuito ruim, mas não tinha como fazer diferente. Foi só pra confirmar nossa presença. Peço que vocês tenham mais amor, fica muito pesado ver isso, todo o hate que a gente ‘tá sofrendo, a gente veio fazer de coração aberto, pra vocês, pra Cristo”, disse Pillar. 

Polêmica nas redes sociais 

Cartaz da Paixão de Cristo em Teresina gera polêmica nas redes sociais — Foto: Reprodução
Cartaz da Paixão de Cristo em Teresina gera polêmica nas redes sociais — Foto: Reprodução 

O cartaz gerou polêmica depois que foi publicado na quarta-feira (13), nas redes sociais da Fundação Municipal de Cultura Monsenhor Chaves, da Prefeitura de Teresina.




Leia também:

Terra Brasil Notícias