‘País está doente’: em vídeo, Moro critica condenação de Dallagnol

‘País está doente’: em vídeo, Moro critica condenação de Dallagnol

Nesta quarta-feira (23), o ex-juiz Sergio Moro, pré-candidato a presidente da República pelo Podemos, cumpre nesta semana uma intensa agenda de encontros com políticos e empresários na Alemanha, para apresentar seu programa de governo. Ele comentou a decisão do  Superior Tribunal de Justiça (STJ) de terça-feira (22), que Deltan Dallagnol, ex-procurador do Ministério Público Federal, deve indenizar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por dano moral.  ‘O país está doente’, disse o ex-ministro.

“A gente tem visto fatos assustadores. O país está doente. (…) O procurador que se sacrificou, se dedicou, para combater aquela roubalheira e colocar os criminosos na cadeia, sendo condenado a pagar danos morais. Isso é um absurdo, isso é o país virado do avesso, isso é querer transformar o certo em errado e o errado em certo. Nós não vamos deixar o Brasil virar uma terra sem lei e um país de bandido”, disse Moro.

O ex-juiz também comentou as denúncias contra o Ministério da Educação teria sido capturado por pastores evangélicos. “Dinheiro de prefeitura é pra educação. Aliás, o Ministério da Educação até hoje não tem um plano de recuperação das aulas perdidas na pandemia. E agora vem essa história de propina em verba liberada. Isso tem que ser investigado pela Polícia Federal e pela PGR [Procuradoria-Geral da República] com rigor.”




Leia também:

Terra Brasil Notícias