PEC que anistia candidaturas “laranjas” de mulheres beneficia 22 partidos

PEC que anistia candidaturas “laranjas” de mulheres beneficia 22 partidos

A PEC que anistia os partidos que não utilizaram os percentuais mínimos de financiamento de campanhas de mulheres pode livrar 22 legendas de investigações, segundo O Globo.

Levantamento do jornal carioca mostra que as siglas deixaram de repassar os recursos na mesma proporção ao número de candidatas mulheres, como determina a legislação.

Desde 2018, diversos partidos respondem a processos por candidaturas “laranjas” de mulheres, cuja verba foi desviada para eleger homens.

Conhecida como PEC 18, a proposta foi aprovada em dezembro pela CCJ, comissão presidida pela bolsonarista Bia Kicis. A anistia tem o apoio de praticamente todos os partidos, especialmente as siglas do Centrão.

Entre as legendas que podem ficar livres de investigação, segundo O Globo, estão: DEM, MDB, PL, Podemos, PDT, PSD, Republicanos, PSDB, PRTB, PTC, PSB, PTB, PCO, PSC, Avante, PP, DC, Cidadania, Patriota, Pros, Rede, Solidariedade.

Créditos: O Antagonista.




Leia também:

Terra Brasil Notícias