Eduardo Bolsonaro diz que Djokovic “tornou-se líder mundial”

Eduardo Bolsonaro diz que Djokovic “tornou-se líder mundial”

Eduardo Bolsonaro voltou a sair em defesa do tenista sérvio Novak Djokovic, expulso da Austrália neste domingo (16) depois de ter tido seu visto revogado pelo governo.

O atleta havia conseguido entrar no país sem ter se vacinado contra a Covid. Djokovic já se manifestou contra a obrigatoriedade dos imunizantes em diversas oportunidades. Nas redes sociais, ganhou o apelido de “Novax Djocovid”.

“Se vencesse o Grand Slam de Melbourne, o sérvio Novak Djokovic bateria Roger Federer e se tornaria o maior campeão de Grand Slam de todos os tempos. Optou pela liberdade e hoje torna-se um líder mundial nessa área, enquanto vídeos bizarros da Austrália inundam a Internet”, escreveu o filho do presidente no Instagram.

Mais cedo, em comunicado, o número 1 do tênis afirmou que estava “extremamente decepcionado” com a sentença.

Créditos: O Antagonista.




Leia também:

Terra Brasil Notícias