URGENTE: Alexandre de Moraes concede prisão domiciliar para Zé Trovão

URGENTE: Alexandre de Moraes concede prisão domiciliar para Zé Trovão

Nesta sexta-feira (17), o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, concedeu prisão domiciliar ao caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como “Zé Trovão”. As informações são da defesa dele.

“Atendendo pedido feito pelos advogados Elias Mattar Assad e Thaise Mattar Assad, o ministro Alexandre de Moraes concedeu prisão domiciliar ao Sr. Marcos Antonio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão”, diz trecho da nota divulgada à imprensa.

Zé Trovão, que é investigado em inquérito da PGR por supostas ameaças à democracia, está preso desde outubro após se entregar à PF em Joinville, no interior de Santa Catarina (SC), onde vive.

No início de setembro, o caminhoneiro foi localizado pela PF em um hotel no México. Zé Trovão havia saído do Brasil no dia 27 de agosto, antes mesmo de a prisão ter sido determinada, e estava foragido desde então.

De acordo com a defesa do caminhoneiro, a PGR ponderou que, diante da apresentação de seu cliente perante a Superintendência da PF em Joinville (SC), “não se opõe à conversão da prisão preventiva por outra medida cautelar diversa da prisão, nos termos do artigo 319 do Código de Processo Penal”.

O ministro do STF Alexandre Moraes, então, converteu a prisão preventiva em prisão domiciliar, com uso de tornozeleiras entre restrições de uso de redes sociais, comunicação com os demais investigados e entrevistas somente com prévia autorização judicial.




Leia também:

Terra Brasil Notícias