“Não dá certo. Ele é de um governo que eu não concordo”, diz Carlos Eduardo sobre possível aliança com Fábio Faria

“Não dá certo. Ele é de um governo que eu não concordo”, diz Carlos Eduardo sobre possível aliança com Fábio Faria

O ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) descartou neste fim de semana qualquer chance de aproximação política entre ele e o ministro das Comunicações, Fábio Faria (prestes a se filiar ao PP).

Em entrevista à rádio Liberdade FM no sábado (4), o ex-prefeito disse que conversou com o ministro a pedido de “amigos em comum”, mas falou que a ligação de Fábio com o presidente Jair Bolsonaro impede uma aliança.

“Cheguei a conversar com ele. Amigos em comum fizeram esse encontro. Mas ele é de um governo que eu não concordo. Não estou concordando com o governo Bolsonaro. Eu fui lá, conversei, ele ouviu. Mas a nossa dificuldade está na questão nacional. Então, não prospera. Se for colocar como pré-condição apoiar o presidente Bolsonaro, não prospera, não dá certo”, enfatizou.

Carlos Eduardo e Fábio Faria se encontraram no fim de julho e registravam uma foto que rendeu publicação nas redes sociais. O post foi interpretado como um gesto de aproximação política entre os dois e possível aliança para 2022, num momento em que Carlos Eduardo tenta se viabilizar para a disputa do Governo do Estado; e Fábio Faria, para o Senado.

Após o encontro, Fábio Faria disse, em entrevista à 98 FM, que pediu na ocasião para que Carlos Eduardo parasse de criticar o governo Jair Bolsonaro (PL), o que não foi acatado pelo ex-prefeito de Natal.

Créditos: 98 FM.

Leia também:

Terra Brasil Notícias