Misericórdia: Monumento da ONU tem características descritas por João no livro de Apocalipse: “a besta que vi era semelhante a um leopardo”

Misericórdia: Monumento da ONU tem características descritas por João no livro de Apocalipse: “a besta que vi era semelhante a um leopardo”

O monumento ‘Guardião da Paz e da Segurança Internacional’, instalado na praça das Nações Unidas em Nova Iorque, EUA, provocou comentários nas redes sociais. Várias pessoas compararam a estátua à besta descrita na Bíblia.

Usuários do Instagram citaram o texto de Apocalipse 13:2, que diz: “A besta que vi era semelhante a um leopardo, mas tinha pés como os de urso e boca como a de leão. O dragão deu à besta o seu poder, o seu trono e grande autoridade.”

Na Bíblia, o aposto João escreveu o livro de Apocalipse onde em uma visão, descrevia um lugar onde o mundo seria governado pelo anticristo, e relata as características do Monumento que foi colocado na sede da ONU, de fato a ONU já determina várias diretrizes para o mundo, esse poder aumentou no período da pandemia onde um braço do órgão chamado OMS indica como os países devem proceder.

O “guardião” instalado na área externa da ONU foi doado pelo governo de Oaxaca, no México. O monumento é um alebrije, tipo de artesanato popular mexicano.

– O guardião é uma fusão de onça e águia, visto que são animais fortes e muito representativos em nossa história pré-hispânica e nacional – explicou a Missão da ONU no México, no Twitter.

Com informações Pleno.news




Leia também:

Terra Brasil Notícias