Câmara aprova requerimento de urgência para votar liberação de jogos de azar

Câmara aprova requerimento de urgência para votar liberação de jogos de azar

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira (16) um requerimento de urgência do projeto que legaliza jogos de azar. A proposta enfrenta resistência das bancadas evangélica e católica. O projeto pretende liberar o jogo do bicho, bingos e cassinos. Foram 293 votos favoráveis e 138 contrários. O requerimento precisava de pelo menos 257 votos para ser aprovado. Com isso, o texto já pode ser votado no plenário. No entanto, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), afirmou que a votação deve ficar para fevereiro. A informação foi divulgada pela Folha de S. Paulo.

Lira apresentou o requerimento de urgência na terça-feira (13). O projeto de lei 442/1991, que cria o Marco Regulatório dos Jogos, permite a reabertura de cassinos, a legalização dos bingos, jogo do bicho e outras modalidades. O deputado Felipe Carreras (PSB-PE) será o relator da matéria.

Segundo Lira, para conseguir aprovar a urgência foi feita uma negociação com integrantes da oposição. “No Brasil, é uma questão que vem sendo debatida há muito tempo, e tem que ser feita às claras, tem que ser feita com muito debate, com todos os convergentes e divergentes”, disse. “Aí nós vamos ter a oportunidade de saber quem quer que o jogo continue sendo ilegal no Brasil como é hoje”, disse o presidente da Câmara mais cedo.




Leia também:

Terra Brasil Notícias