Aliado de Moro, Alvaro Dias já recebeu doação de doleiro preso na Lava-Jato

Aliado de Moro, Alvaro Dias já recebeu doação de doleiro preso na Lava-Jato

Preso pela Lava Jato, Alberto Youssef doou para a campanha eleitoral do senador Alvaro Dias (Podemos-PR). Atualmente, o parlamentar é o principal aliado de Sergio Moro, ex-juiz da operação.

As doações foram viagens em jatinhos cedidos pelas empresas de Youssef que foram realizadas por Dias durante a disputa eleitoral de 1998. O atual aliado de Sergio Moro, na época, fazia parte dos quadros dos PSDB do Paraná. Ele já havia sido governador do Estado e se elegeu naquele ano pela primeira vez para o cargo de senador.

De acordo com o jornal Folha de S.Paulo, “as informações estão na prestação de contas de Dias entregue naquele ano à Justiça Eleitoral no Paraná”.

As empresas utilizadas foram a Marino Táxi Aéreo e a Youssef Câmbio & Turismo. O valor em horas de voo delas foi, respectivamente, R$ 9,8 mil e R$ 11,2 mil, somando, portanto, R$ 21 mil. A quantia equivale a cerca de 5% do valor completo da campanha de Dias em 1998 (R$ 391 mil).

Em depoimento a uma CPI sobre a Petrobras, em 2015, Youssef falou sobre as doações. “Na época, eu fiz a campanha do senador Alvaro Dias, e parte dessas horas voadas foi paga pelo [Luis] Paolicchi, que foi secretário de Fazenda da prefeitura de Maringá, e parte foram doações mesmo que eu fiz das horas voadas”, disse ele.




Leia também:

Terra Brasil Notícias