Alexandre de Moraes se declara impedido de julgar habeas corpus de Zé Trovão

Alexandre de Moraes se declara impedido de julgar habeas corpus de Zé Trovão

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), se declarou impedido para julgar o habeas corpus apresentado pela defesa do caminhoneiro Marcos Antônio Pereira Gomes, mais conhecido como Zé Trovão.

A medida já era esperada porque o habeas corpus questiona uma decisão tomada pelo próprio Alexandre Moraes, que foi o responsável por mandar prender o caminhoneiro. No julgamento de um habeas corpus anterior, em que também foi mantida a prisão de Zé Trovão, o ministro já havia se declarado impedido.

O relator do processo, ministro Luís Roberto Barroso e a ministra Rosa Weber rejeitaram as alegações da defesa do caminheiro pela soltura. Ainda faltam os votos dos ministros Cármen Lúcia e Dias Toffoli.

Créditos: Gazeta Brasil.




Leia também:

Terra Brasil Notícias