“Quem quer ser presidente da República que se candidate”, dispara Bolsonaro sobre interferência do STF

“Quem quer ser presidente da República que se candidate”, dispara Bolsonaro sobre interferência do STF

Em entrevista à Jovem Pan de Curitiba, o presidente Jair Bolsonaro criticou a decisão da ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber, por suspender as emendas de relator.

Sem citar nomes, Bolsonaro disse que, se alguns querem ser presidentes, “que se candidatem”.

“É uma atrás da outra, né? A mesma Rosa Weber, que há pouco tempo, quando decidi zerar o imposto sob importação de armas, achou que era injusto e vetou. Acho que há um excesso de interferência do Judiciário no Executivo. Há um excesso! Até quando eu quis indicar alguém para a superintendência, ou melhor, para o diretor-geral da PF, houve interferência”, se queixou Bolsonaro.

O presidente disse lamentar essas ações, que, segundo ele, não são o papel do Supremo. “Os poderes têm que ser respeitados, mas as decisões de alguns atrapalham o andamento da nação. Quem quer se presidente da República que se candidate”, finalizou.




Leia também:

Terra Brasil Notícias