Com suspeita de Ômicron, mulher que estava na África é monitorada em BH

Com suspeita de Ômicron, mulher que estava na África é monitorada em BH

No domingo (28), uma mulher de 33 anos foi internada em Belo Horizonte, com diagnóstico de covid-19, após chegar da África do Sul.

De acordo com a prefeitura, a mulher passou pelo Congo, no centro da África, depois esteve na Turquia, na Europa, e chegou a Belo Horizonte no últimi  dia 20 de novembro, após escala em São Paulo.

A paciente começou a apresentar sintomas na última segunda-feira (22), dois dias depois de desembarcar no Brasil. Ela procurou atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Hospital Odilon Behrens, na região Noroeste da capital. Sem estar vacinada contra a Covid-19, segundo a Prefeitura, e com teste positivo para o coronavírus, a paciente foi encaminhada ao Hospital Eduardo de Menezes, no Barreiro, onde permanece isolada. 




Leia também:

Terra Brasil Notícias