BOMBA: Queiroz revela que queriam matá-lo como ‘queima de arquivo’ para culpar Bolsonaro

BOMBA: Queiroz revela que queriam matá-lo como ‘queima de arquivo’ para culpar Bolsonaro

Em entrevista ao SBT nesta terça-feira (23), o ex-assessor parlamentar e policial militar aposentado, Fabrício Queiroz, afirmou que havia um plano para assassiná-lo como “queima de arquivo” na tentativa de incriminar o presidente Jair Bolsonaro.

“Eu ia ser queima de arquivo, para cair na conta do presidente, como aconteceu com o capitão Adriano”, disse Queiroz.

“Se Deus quiser, vou provar a minha inocência. Meu sonho é voltar a ter amizade com o presidente”, disse o jornal.

Ao ser questionado sobre o seu contato com Frederick Wassef, Queiroz afirmou que o defensor o abrigou apenas para proteger o presidente. Ele ressaltou que conhecia o advogado da família Bolsonaro somente pela TV e ficou na sua casa em Atibaia, no interior de São Paulo, apenas para realizar um tratamento de saúde.

Leia também:

Terra Brasil Notícias