Repórter cobra medidas para crise hídrica e Bolsonaro responde: “Liguei pra São Pedro”

Repórter cobra medidas para crise hídrica e Bolsonaro responde: “Liguei pra São Pedro”

Nesta segunda-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro foi questionado por um repórter no Guarujá, litoral de São Paulo, sobre a crise hídrica no Brasil. “Eu liguei para São Pedro”, respondeu o mandatário.

“Nós estamos na maior crise – quer dizer, acabou, né, praticamente – a maior crise hidrológica dos últimos 90 anos, todo mundo estava sofrendo com isso, veio inflação atrás, a energia cara”, respondeu Bolsonaro em seguida.

“Agora, isso tudo veio daquela política que vocês apoiaram da imprensa: ‘Fica em casa que a economia a gente vê depois’, acrescentou.

Com a diminuição das chuvas, inclusive no período em que deveriam ter ocorrido com mais prevalência, o Brasil passa pela maior crise hídrica dos últimos 91 anos. 

Em um outro momento, Bolsonaro questionou a jornalistas a razão de não se divulgar o número de mortes de pessoas já vacinadas. 

“Não divulgam. Muita gente que tomou a segunda dose está morrendo. Por que muitos governadores e prefeitos vacinaram jovens de 12 a 17 anos? Baseados em quê? Recomendação da Anvisa? Estamos mexendo com vidas. Na molecada abaixo de 20 anos, a chance de não ter nada é de 99,9%. Compensa o custo benefício da vacina?”, disse Bolsonaro, citando a liberação dos recursos para a compra de vacina:

Leia também:

Terra Brasil Notícias