Haddad: ‘É ridículo associar Lula a extremismo’

Haddad: ‘É ridículo associar Lula a extremismo’

Em jantar com empresários, altos executivos e banqueiros nesta quarta-feira (13), o ex-presidenciavel derrotado em 2018, Fernando Haddad, disse que o ex-presidiário Lula (PT) está longe de ser extremista.

“Acho que é ridículo associar Lula a qualquer gesto extremista, porque seu governo respeitou as instituições e a imprensa como nenhum outro”, afirmou o ex-prefeito de SP, de acordo com o jornal O Globo.

No mesmo encontro, Haddad disse que o PT não é um partido de esquerda, mas sim, de centro-esquerda.

Haddad ainda disse que o ex-presidiário respeitou as instituições e a imprensa durante seu governo.

O petista afirmou também aos empresários que não há dúvidas sobre a conduta ética de Dilma Rousseff. “Não paira nenhuma dúvida sobre a conduta ética e a respeitabilidade da Dilma. Foi ela quem afastou os quatro diretores por suspeitas de irregularidades”, disse.

Haddad ainda culpou o empresariado por parte do fracasso econômico do governo Dilma:

“Fiz essas críticas publicamente, não fiz nos bastidores. Em texto escrito e assinado, sublinhei que as medidas contestáveis foram sugeridas pelos próprios empresários, por meio da Fiesp. Então, são os últimos que poderiam reclamar. As medidas que apontei foram as desonerações e plano de energia da Fiesp, propostas do próprio empresariado”.




Leia também:

Terra Brasil Notícias