Após “bota” do PSOL, Boulos é rejeitado pelo PT

Após “bota” do PSOL, Boulos é rejeitado pelo PT

O alto comando do PT não quer nem saber de sentar para negociar com Guilherme Boulos em São Paulo. O partido entende que Boulos agiu de forma irresponsável e precipitou o debate sobre a eleição para governador no estado, o que, na visão petista, obrigou a sigla a também antecipar a candidatura de Fernando Haddad ao Palácio dos Bandeirantes.

Os dirigentes mais importantes do PT dizem que Boulos “está obcecado” por eleições majoritárias e criticam o fato de o líder sem-teto tentar se eleger para três dos cargos mais importantes do país num período de quatro anos. Boulos tentou a Presidência em 2018, disputou a Prefeitura de São Paulo em 2020 e buscará o governo paulista em 2022. As informações são do Metrópoles.

O lançamento da candidatura de Haddad foi um pedido de Lula para fortalecer os palanques no interior de São Paulo.




Leia também:

Terra Brasil Notícias