Após pressão popular, governador veta Projeto de Lei sobre ideologia de gênero

Após pressão popular, governador veta Projeto de Lei sobre ideologia de gênero

Liderados pelo deputado estadual Coronel Sandro (PSL), um grupo de deputados se reuniu com o secretário de Governo do Estado, Igor Eto, para pressionar o Governador, Romeu Zema, a vetar a a Proposição de Lei 24.909/2021, que trata da ideologia de gênero e majora a multa para estabelecimentos em pessoas foram discriminadas por sua orientação sexual.

Segundo o deputado, essa é uma vitória das famílias mineiras, dos comerciantes e das pessoas de bem. Além disso, ele ressalta que já existe uma Lei que prevê a punição nos casos de discriminação por orientação sexual. “Em 2002, a Lei 14.170 foi sancionada e já trata da discriminação. Esse PL, depois de 20 anos, aparece na legislação com a expressão gênero. Lembro que a pauta da esquerda, nesse sentido de costumes, avança. Ela utiliza a expressão sexo biológico só se for estritamente necessário. Se não for, a expressão utilizada é gênero”, ressalta.

O parlamentar lembra também que, a partir de agora, é necessária uma articulação com os deputados para manterem o veto do governador. “Por nossas mulheres, nossas filhas, nossa família, vamos continuar dialogando com os deputados para manterem o veto do governador e levar mais segurança a todas elas”, enfatizou.

Leia também:

Terra Brasil Notícias