TSE pede ao STF que Bolsonaro seja investigado por ‘vazar’ inquérito da Polícia Federal

TSE pede ao STF que Bolsonaro seja investigado por ‘vazar’ inquérito da Polícia Federal

Notícia-crime vai ser analisada no inquérito das fakes news, que apura a disseminação de supostos conteúdos falsos na internet

Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou nesta segunda-feira, 9, ao Supremo Tribunal Federal (STF) uma notícia-crime contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, por suposto vazamento de inquérito sigiloso.

Na semana passada, Bolsonaro divulgou nas mídias sociais a íntegra de um inquérito da Polícia Federal que apura ataques ao sistema interno do TSE. O próprio órgão admitiu que hackers invadiram seu sistema. O leitor pode acompanhar a repercussão do assunto.

A notícia-crime vai ser analisada no inquérito das fake news, que apura a disseminação de supostos conteúdos falsos na internet. A investigação está sob relatoria do ministro Alexandre de Moraes.




Leia também:

Terra Brasil Notícias