Ex-presidente do PT condenado no Mensalão defende nova Constituição e instituições sob ‘controle popular’

Ex-presidente do PT condenado no Mensalão defende nova Constituição e instituições sob ‘controle popular’

Em entrevista ao PT, o ex-presidente do partido e condenado no Mensalão, José Genoino, diz ter uma solução para o Brasil, mas nada que passe pelo atual sistema democrático vigente no país. 

Para o Brasil sair da “crise”, na visão de Genoino, é preciso que o povo, na rua, construa as condições para uma nova constituinte que mude o regime vigente e crie “instituições sob o controle popular”.

Genoino também defende o controle das instituições “pelo povo”. “O poder emana do povo, não emana da toga, não emana da farda ou do monopólio midiático”, afirmou o petista.

Para ele, o grande erro do PT foi seguir as leis do sistema atual e não ter buscado apoio popular para mudar as regras e a “ordem” vigente.

“Como diz a política, se não mudamos as estruturas do Estado, essas estruturas acabam promovendo o golpe (impeachment de Dilma). Via o Parlamento, que foi o braço executor, via tutela militar, que foi elemento chave, via monopólio da mídia e via o aval dado pelo STF ao golpe de 2016. Portanto, nós tínhamos que ter feito mudanças mais estruturais”, diz Genoino.

Leia também:

Terra Brasil Notícias