Anvisa decide por encerrar exame de autorização para uso temporário da Covaxin

Anvisa decide por encerrar exame de autorização para uso temporário da Covaxin

Nesse sábado (24), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu de forma unânime encerrar o processo que tratava da autorização temporária de uso emergencial, em caráter experimental, da vacina Covaxin.

A Anvisa tomou a decisão após ser comunicada pelo laboratório indiano Bharat Biotech Limited International que a empresa brasileira Precisa não possui mais autorização para representá-la no país. A farmacêutica é a fabricante da vacina Covaxin.

Em nota, a agência informou que o processo “será encerrado, sem a avaliação de mérito do pedido de autorização temporária de uso emergencial, em caráter experimental, protocolado pela empresa Precisa Comercialização de Medicamentos Ltda no dia 29 de junho deste ano”.

Leia também:

Terra Brasil Notícias