Ônix mostra que Deputado apresentou uma nota falsa e PF vai investigá-lo por fraude processual e denunciação caluniosa

Ônix mostra que Deputado apresentou uma nota falsa e PF vai investigá-lo por fraude processual e denunciação caluniosa

O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Onyx Lorenzoni, disse hoje que Jair Bolsonaro determinou que a Polícia Federal investigue, por denunciação caluniosa e fraude processual, o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) e seu irmão Luis Ricardo.

Ele disse que os dois apresentaram uma nota fiscal adulterada da Madison Biotech, subsidiária da Bharat Biotech em Cingapura, para tentar acusar o Ministério da Saúde de irregularidades na importação da Covaxin.

“Não houve favorecimento a ninguém, não houve sobrepreço, tem gente que não sabe fazer conta, e não houve compra alguma, não há um centavo de dinheiro público que tenha sido despendido”, disse o ministro em entrevista à imprensa.

O antagonista

Leia também:

Terra Brasil Notícias