Ônibus cai de penhasco no Peru e deixa 27 trabalhadores mortos

Ônibus cai de penhasco no Peru e deixa 27 trabalhadores mortos

Ao menos 27 pessoas morreram e 13 ficaram feridas após um ônibus cair de um penhasco nos Andes peruanos, informou em comunicado a mineradora Hochschild, para a qual trabalhavam todos os ocupantes do veículo acidentado.

O acidente ocorreu na madrugada, por volta das 4h (horário local; 6h em Brasília), na altura do quilômetro 40 da estrada entre os municípios de Nasca e Puquio, em um setor montanhoso na região andina de Ayacucho.

No local do acidente foram encontrados ao menos 14 mortos, segundo informou à agência EFE o Corpo de Bombeiros, que participou do resgate das vítimas. Outras 13 pessoas que tinham ficado feridas não resistiram e morreram enquanto eram transferidas a hospitais.

– Estamos todos devastados pelas notícias e já começamos a investigar, mas a nossa prioridade imediata é apoiar as vítimas do acidente e as suas famílias, além de trabalhar com as autoridades competentes – disse o diretor executivo da empresa, Ignacio Bustamante, em comunicado.

Segundo as primeiras versões sobre o acidente, o veículo da empresa de transportes Palomino levava um grupo de cerca de 50 trabalhadores da mineradora quando saiu da estrada por razões indeterminadas e capotou várias vezes ao longo de uma descida íngreme de mais de 200 metros.

Durante a queda, deixou várias pessoas dispersas pela encosta íngreme cujos corpos só foram recuperados quando os bombeiros chegaram ao local. O ônibus transportava trabalhadores da mina de ouro e prata de Pallancata, na região de Ayacucho, para a cidade de Arequipa.

Acidentes desta magnitude são comuns nas estradas do Peru, e são causados principalmente pela imprudência dos condutores, pelo péssimo estado das estradas e da frota de veículos, e pela geografia.

Cerca de 3 mil pessoas morrem anualmente em acidentes de trânsito no Peru, a maioria em colisões, e cerca de 55 mil ficam feridas, de acordo com os números do Conselho Nacional de Segurança Rodoviária.

Leia também:

Terra Brasil Notícias