Barroso diz que não abre inquérito para apurar se houve fraude na eleição de 2018 para não “dar palanque” a Bolsonaro

Barroso diz que não abre inquérito para apurar se houve fraude na eleição de 2018 para não “dar palanque” a Bolsonaro

O presidente do Superior Tribunal Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso, resiste à sugestão que ouviu de colegas para abrir um inquérito que apure a denúncia feita pelo presidente Jair Bolsonaro de que houve fraude na eleição vencida por ele em 2018. A informação é de Metrópoles.

“Isso seria dar palanque para ele e sua turma”, teria comentado Barroso, de acordo com o jornal.

Leia também:

Terra Brasil Notícias