Gleice Hoffman bateu o recorde de maior mentira escrita no Twitter

Gleice Hoffman bateu o recorde de maior mentira escrita no Twitter

Gleisi Hoffmann acaba de bater o próprio recorde de cara de pau no Twitter. A presidente do PT conseguiu dizer o seguinte, abre aspas:

“Petrobras nunca teve prejuízo com política de preços adotada por Lula e Dilma, que garantiam combustíveis baratos. Em 2015, ano mais crítico, teve lucro operacional (Ebitda) de U$ 25 bilhões. Lançaram prejuízo pq registraram contabilmente ‘perdas’ com a Lava Jato e reavaliação de ativos.”

A politica de contenção de preços adotada por Dilma Rousseff deu AINDA MAIS prejuízo à estatal do que a roubalheira detectada pela Lava Jato.

Escreve a Exame: “Em 2016, a estatal acumulou R$ 96 bilhões em baixas contábeis geradas por projetos que não ofereciam perspectiva de retorno, tais como a Refinaria do Nordeste (Rnest) e o Complexo Petroquímico do Rio (Comperj), entre tantas. Foram três anos de limpeza no balanço – 2014, 2015 e 2016.”

“Ainda em 2015, quando Mauro Rodrigues da Cunha, então conselheiro da estatal eleito pelos minoritários, foi depor na Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) sobre a empresa, apontou que até aquele momento a contenção de preços havia gerado perda de R$ 100 bilhões. O cálculo inclui o que a companhia deixou de ganhar e o que gastou a mais em despesa financeira, fruto da ausência de paridade do combustível com os preços internacionais”, prossegue a revista.

Repetimos: são R$ 100 bilhões de prejuízo SEM incluir as perdas com corrupção na Petrobras, que um laudo pericial da PF estimou em R$ 42 bilhões em 2015.

Antagonista

Leia também:

Terra Brasil Notícias