Crise na gestão: Contrário a Doria, secretário de Saúde de SP diz que é contra ‘lockdown’; “As pessoas vão morrer de fome”

Crise na gestão: Contrário a Doria, secretário de Saúde de SP diz que é contra ‘lockdown’; “As pessoas vão morrer de fome”

Nesta terça-feira (02), o secretário estadual da Saúde de São Paulo Jean Gorinchteyn afirmou que é contra a decretação do “lockdown” em todo o Brasil como tentativa de conter o avanço da Covid-19.

Em entrevista à CBN, Gorinchteyn alertou para as consequências do fechamento total da economia, principalmente para os mais pobres. “Sou contra o lockdown, como ele é feito em outros países, enquanto nós não tivermos esse auxílio [emergencial] para as pessoas que dependem disso. Temos que fazer restrições mais robustas e enérgicas, mas o lockdown no nosso país, não temos condições de fazer. As pessoas vão morrer de fome. Vamos ter um problema civil”.

O secretário da Saúde do Governo Doria afirmou ainda que “fazer o lockdown significa colocar uma parcela vulnerável numa situação difícil sem o auxílio”.

Ele também opinou sobre a área da educação, falando sobre a situação das escolas em meio ao agravamento da pandemia. Para Gorinchteyn, as aulas presenciais deveriam ser repensadas neste momento.

Leia também:

Terra Brasil Notícias