Pacheco “avaliza” PEC da imunidade na câmara e pressiona ainda mais STF; “ precisamos respeitar o senso de urgência da câmara”

Pacheco “avaliza” PEC da imunidade na câmara e pressiona ainda mais STF; “ precisamos respeitar o senso de urgência da câmara”

Rodrigo Pacheco afirmou ser necessário respeitar o “senso de urgência” da Câmara na votação da PEC da Imunidade nesta quinta-feira, 25. A proposta amplia a blindagem de parlamentares contra prisões, afastamentos e medidas cautelares.

Questionado se essa é uma proposta urgente, dado o açodamento da deliberação, o presidente do Senado disse. “Foi compreendido pelo presidente Arthur Lira e pela Câmara como algo necessário, diante especialmente do episódio havido com o deputado Daniel Silveira.”

Isso mostra alinhamento entre câmara e senado e fica mais difícil o STF exercer pressão para barrar o andamento da PEC

Leia também:

Terra Brasil Notícias