INAD entra com notícia crime no MP contra Doria e secretário de Saúde de SP

INAD entra com notícia crime no MP contra Doria e secretário de Saúde de SP

O Instituto Nacional de Advocacia (INAD) ingressou com uma notícia-crime no Ministério Público Federal (MPF) para investigar as condutas do governador de São Paulo, João Doria, do secretário de Saúde, Jean Gorinchteyn, os diretores do Instituto Butantan e da Sinovac. A informação é do Terça Livre.

O INAD afirma que existe uma “possível prática de manipulação/adulteração do resultado dos testes da CoronaVac“, crime que, se constatado, estaria previsto no artigo 273 do Código Penal, entre outros.

Eles destacam que “não é normal a divulgação de três resultados distintos num período de aproximadamente um mês e com valores tão diferentes, o que induz a presunção de fraude na análise dos testes por motivo político ou criminoso“.

Assinam a notícia crime o presidente do Instituto, Rodrigo Marins, e o diretor jurídico, Pierre Lourenço.

Leia também:

Terra Brasil Notícias