Anvisa avaliará regras para uso emergencial de uma vacina contra a Covid-19

Anvisa avaliará regras para uso emergencial de uma vacina contra a Covid-19

A Diretoria da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) avalia essa semana como vai deliberar as regras para autorização de uso emergencial de uma vacina contra a Covid-19 no Brasil. De acordo com a apuração da CNN, a Diretoria Colegiada da agência deve marcar nos próximos dias uma reunião extraordinária para debater o assunto.

A Anvisa ainda não tem diretrizes para a autorização de uso emergencial. Por isso, a partir dessa reunião extraordinária serão decididas as regras pelo colegiado da agência. No dia 10 de dezembro haverá uma reunião pública da FDA, a agência reguladora dos Estados Unidos; o comitê de vacinas da agência americana vai debater quais serão as regras para autorização de uso de imunizantes contra o novo coronavírus nos Estados Unidos.

A Pfizer e a Moderna entraram nessa terça-feira (1º) para uso emergencial das vacinas na Europa. O uso emergencial é uma autorização temporária para o uso em um público específico, que é baseada nos riscos e nos benefícios que a vacina pode trazer. Se o benefício é maior que o risco, as agências podem adotar este tipo de autorização.

Mesmo após definir essas diretrizes, a vacina ou medicamento segue sendo tratado como um medicamento experimental e que ainda não tem todas as provas sobre segurança e eficácia.

Leia também:

Terra Brasil Notícias