Quase 100 baleias morrem encalhadas na Nova Zelândia

Quase 100 baleias morrem encalhadas na Nova Zelândia

Quase 100 baleias-piloto morreram encalhadas nas Ilhas Chatham, a cerca de 800 quilômetros da costa leste da Nova Zelândia. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (25) pelas autoridades responsáveis pela preservação da biodiversidade.

A maioria dos animais ficou presa nas praias do arquipélago, mas os esforços de resgate foram prejudicados pela localização remota da ilha.

O Departamento de Conservação da Nova Zelândia (DOC) disse que um total de 97 baleias-piloto e 3 golfinhos morreram no encalhe.

“Apenas 26 das baleias ainda estavam vivas quando chegamos. Elas pareciam fracas e foram submetidas à eutanásia”, disse Jemma Welch, que trabalha no departamento.

Welch explicou que as autoridades foram obrigadas a tomar a decisão devido às condições de mar agitado e quase certeza de que o encalhe atrairia grandes tubarões brancos.

Os cientistas estudam há décadas o fenômeno, mas ainda não conhecem a razão dos encalhes de baleias.

Em 1918, as Ilhas Chatham registraram um encalhe em massa com mais de mil cetáceos mortos.

No final de setembro, ao menos 380 baleias-piloto morreram em águas rasas da costa australiana em um dos maiores encalhes de baleias do mundo.

Leia também:

Terra Brasil Notícias